X

Tem LGBT trabalhando com você, mas deveria ter mais

Não é só porque é o mês do Orgulho LGBT. Não é porque tá todo mundo falando disso. É porque PRECISAMOS falar. É preciso bombardear as pessoas com o tema. Fazê-las enxergar aquilo que por muito tempo esteve escondido. Aquilo que ainda é silenciado e oprimido. As pessoas LGBT existem e estão perto de você. Inclusive no seu trabalho.

É muita gente. Só no Brasil, a população LGBT tem cerca de 18 milhões de pessoas. É gente que mora na casa ao lado da sua, que está junto contigo na fila da padaria, no trânsito, no cinema, no parque, que estuda com você, que trabalha com você… Que faz coisas que todo mundo faz. E por quê? Porque são iguais a você. Só que com condições desiguais.

Falando de mercado de trabalho, apesar das crescentes iniciativas das companhias para promoverem a diversidade, ainda há muito o que percorrer para chegarmos ao cenário ideal de equilíbrio de direitos. E, se não acredita, contra fatos não há argumentos:

🌈 Sabia que 38% das empresas brasileiras não contrataria pessoas LGBT para cargos de gestão?

🌈 E que 7% delas não contrataria em circunstância alguma?

🌈 Também é um fato que 61% dos profissionais LGBT não assume sua orientação sexual ou identidade de gênero no ambiente de trabalho.
🌈 Os motivos para isso incluem medo de sofrer discriminação e serem prejudicados profissionalmente.

🌈 Falando nisso, 43% da comunidade LGBT afirma já ter sido vítima de homofobia no ambiente de trabalho.

🌈 49% dos profissionais que pertencem à Comunidade altera o próprio comportamento e o modo de ser em busca de aceitação e integração entre os colegas.

🌈 90% das travestis e transexuais brasileiras estão na prostituição por falta de oportunidades no mercado.

🌈 Para 24% dos jovens, o preconceito no ambiente de trabalho ainda é escancarado.
🌈 
E para outros 20%, acontece de forma velada.

🌈 Somente 10% das empresas possuem ações efetivas com foco LGBT.

E esses dados ainda são poucos. Há muita estatística que prova que a homofobia está presente no mercado de trabalho e que é papel de todos promover a conscientização. Todos têm esse poder, basta acolher essas pessoas, argumentar a desconstrução de visões discriminatórias, coibir comportamentos homofóbicos, oferecer oportunidades, exercer a empatia, a compaixão e a justiça. E não vamos falar por aqui o que os heterossexuais vão ganhar ao contribuir com a inclusão de pessoas LGBT. Não existe recompensa. Incluir é respeitar, e respeito é obrigação. É dever.

No fluxo das empresas que defendem a causa, no último dia 09, a Catho lançou o filme “Apoiamos a diversidade” e trouxe reflexões de colaboradores LGBT sobre a importância do apoio à diversidade no ambiente de trabalho:

* Os dados utilizados são de pesquisas realizadas por: Associação Brasileira de Recursos Humanos, Associação Nacional de Travestis e Transexuais, Center for Talent Innovation, Consultoria Santo Caos

últimas Postagens

Catho

Catho Online Ltda. CNPJ: 03.753.088/0001-00 Alameda Juari, 262 - Barueri, SP - 06460-090 Política de Privacidade

Gostou do artigo?

Inscreva-se na nossa newsletter para receber mais informações, dicas e tendências sobre o mercado de trabalho e carreira.

Fechar